Arquivo da categoria: Evolução da Consciência

Curso sobre Macrossoma

De 23 a 25 de maio a EAC – Escola de Autopesquisa da Consciência, promoverá em sua sede em Porto Alegre o curso sobre Macrossoma.

Macrossoma é o corpo físico fora de série, o corpo supermaceteado ou especializado, especialmente configurado antes do nascimento com a finalidade de apoiar a execução da programação existencial de uma pessoa.

O macrossoma sempre está relacionado com a potencialização de algum processo relacionado às ECs – Energias Conscienciais da pessoa.

No vídeo acima, em 7 minutos, a pesquisadora Sônia Cerato explica o que é o macrossoma e porque todo mundo deveria descobrir qual é o seu tipo específico.

Mais informações sobre o curso estão disponíveis no folder abaixo.

Saiba mais sobre a EAC assistindo os videos das aulas e palestras publicadas no Youtube ou na página da EAC no Facebook.

Curso Macrossoma

 

Para Saber Mais

Experiências Fora do Corpo – Fundamentos

Experiências Fora do Corpo – O Guia do Iniciante

Estado Vibracional

Fronteira da Consciência

Animais Evoluem em Contato com Humanos

M10

Já se sabia que os golfinhos eram capazes de aprender a imitar o padrão e a duração dos sons na fala humana, mas não se conhecida nenhum animal que fizesse isso espontaneamente.

Em 2012, dois fatos relacionados ao aprendizado espontâneo de palavras por animais chamaram a atenção da mídia.

No zoológico da cidade sul-coreana de Yongin um elefante asiático de 22 anos de idade chamado Koshik aprendeu a imitar a linguagem humana tornando-se capaz de reproduzir várias palavras.

O fato chamou a atenção em todo mundo. Segundo pesquisadores sul-coreanos e europeus que estudaram o animal, ele recebe os visitantes com “choah” (bem) ou “annyong” (olá), além de pronunciar “anja” (sentado) e “aniya” (não),

Elefantes são incapazes de usar os lábios para emitir sons. Koshik forma palavras enrolando a tromba e inserindo-a em sua boca. Em seguida, coloca a ponta da tromba na língua ou no céu da boca, para criar diferentes sons.

Os pesquisadores não sabem como o elefante desenvolveu, sozinho, a habilidade de repetir palavras. Os únicos vínculos sociais de Koshik são com seu tratador. Os pesquisadores acreditam que ele tenha aprendido a repetir as palavras para criar uma relação de confiança com seu tratador.

O outro fato ocorreu nos Estados Unidos onde uma beluga de 9 anos chamada Noc instalada na Fundação Nacional de Mamíferos Marinhos, na Califórnia, EUA, demonstrou ser capaz de pronunciar algumas palavras.

Os pesquisadores passaram então a recompensar NOC pela emissão de sons semelhantes à fala para ensiná-la a emiti-los sob comando humano e instalaram um equipamento para monitorar a pressão em sua cavidade nasal, onde os sons são produzidos.

As observações indicam que a baleia tinha de modificar sua mecânica vocal para fazer os sons parecidos aos da fala”.

Esses dois fatos, aparentemente isolados conduzem as seguintes reflexões: Estarão as capacidades cognitivas dos animais evoluindo em função do contato com os seres humanos? Até que ponto o contato prolongado com os pensenes – pensamentos + sentimentos + energias – dos seres humanos estão influenciando positivamente os animais, levando-os a desenvolver novas capacidades cognitivas, a ponto de, por exemplo, criarem meios de se comunicar conosco?

Para Saber Mais

Experiências Fora do Corpo – Fundamentos

Experiências Fora do Corpo – O Guia do Iniciante

Estado Vibracional

Fronteira da Consciência